quinta-feira, 29 de março de 2018

Páscoa, Época de Renovação


Chegamos na época do ano em que comemoramos a páscoa, e com isso é necessário resgatar o verdadeiro sentido do simbolismo da páscoa.
Portanto, o simbolismo da Páscoa, em sua concepção cristã original traz somente bons sentimentos, entre eles a renovação da esperança por meio da ressureição de Cristo.
Infelismente o sistema capitalista tem dissociado a real comemoração desta data religiosa, levando-se em conta muito mais o consumismo do que as tradições comemoradas há séculos, em diversas nações do mundo. Segundo os costumes dos cristãos, a páscoa é um momento para que as famílias possam se reunir e desfrutar o prazer da união, da alegria de partilhar este momento juntos, e não somente de troca de presentes açucarados, ou que representem “status” financeiro. Muitos cristãos vêem a Páscoa como uma esperança viva dada por Deus aos homens e essa esperança está sempre envolvida por muitos símbolos: Cruz, pão, vinho, cordeiro, óleo santo, água, coelhos e ovos de páscoa.
                                         


                

           
   


segunda-feira, 13 de novembro de 2017

HALLOWEEN

No dia 01 de Novembro, a EEB São Tiago promoveu um grande evento, comemoramos o dia de Halloween, onde os alunos se fantasiaram e prepararam as salas do terror, deixado a escola em clima de Dia das Bruxas.
Foram realizadas pesquisas e confecções de contos, fantasias e decorações. 
Um pouco da origem des Festa:
A origem da festa do Halloween possui uma grande trajetória visto ser praticada há mais de 3 mil anos.
Esta festa começou com os Celtas, que eram originários da região da Irlanda. Com o tempo, eles foram se espalhando pela Europa. Esse povo era politeísta e acreditava em diversos deuses relacionados com os animais e as forças da natureza.
Com o intuito de afastar os maus espíritos, a festa incluía diversas figuras sombrias e bizarras. Nesse dia, era comum eles colocarem objetos estranhos nas casas e usarem fantasias.
Com a colonização das terras americanas, a tradição foi incluída na cultura da América, sobretudo a dos Estados Unidos.
Nos Estados Unidos, a tradição do Halloween é muito forte. Foi trazida por imigrantes irlandeses no século XIX. Desde então, a festa é o maior sucesso sendo comemorada dia 31 de outubro.
As casas e as ruas ficam decoradas com temas sombrios (bruxas, caveiras, múmias, vampiros, fantasmas, etc.). Uma das marcas mais emblemáticas da festa são as grandes abóboras com rosto e com velas dentro.
O pedido de doces realizado pelas crianças está relacionado com a antiga tradição celta. Como forma de apaziguar esses espíritos maus eram realizadas oferendas de comida a eles. As mulheres celtas faziam um bolo chamado de “bolo da alma”.
Já a tradição da vela dentro da abóbora vem do folclore da Irlanda e está relacionada com a figura de “Jack da lanterna”. No entanto, na história original a abóbora era um nabo.
O principais símbolos associados a comemoração são as abóboras com velas, as fantasias de bruxas, caveiras, múmias, fantasmas, zumbis, morcegos e gatos. Além disso, as cores mais utilizadas são o preto, o roxo e o laranja.

No Brasil o Halloween foi introduzido pelas escolas de idiomas, sendo festas a fantasias com decorações e comidas a caráter.
A direção agradece os professores, as serventes e a merendeira, os esforços e dedicação de todos pelo sucesso desse projeto.

















Publicações populares